BD BACTEC™ MGIT™ 960 e 320

Sistema Completo para Micobactérias

O sistema BD BACTEC™ MGIT™  é um método automatizado para isolamento primário de micobactérias a partir de amostras clínicas pulmonares e extra-pulmonares (exceto sangue) e teste de sensibilidade a antibióticos para Mycobacterium tuberculosis. Para esse sistema estão disponíveis equipamentos com 960 e com 320 posições. 

Os tubos de cultura BD BACTEC™ MGIT™ contêm um composto fluorescente, embebido em silicone, que é sensível à presença do oxigênio dissolvido no meio. Inicialmente, uma grande quantidade do oxigênio dissolvido extingue as emissões do composto e pouca fluorescência pode ser detectada. Posteriormente, microrganismos respirando ativamente no meio, consomem o oxigênio o que ocasiona a emissão da fluorescência e sua detecção pelo equipamento.

As leituras da fluorescência são realizadas de maneira contínua e simultânea e um ciclo de leitura é completado a cada 60 minutos. Uma série de LEDs, localizados abaixo dos tubos se iluminam, ativando os sensores fluorescentes dos mesmos. Os detectores de luz realizam, então, a leitura. As culturas positivas são imediatamente indicadas através de sinais luminosos e alarmes sonoros. Este sistema possibilita a emissão de resultados de detecção e testes de sensibilidade em menor tempo do que os métodos convencionais

Em relação ao teste de sensibilidade (TSA) a antibióticos para Mycobacterium tuberculosis, trata-se de um procedimento qualitativo, que pode ser realizado a partir de culturas de M. tuberculosis em meios sólidos ou líquidos, para as seguintes drogas: e  Streptomicina,  Isoniazida,  Rifampicina e  Etambutol (BD BACTEC™ MGIT™ SIRE).

Os resultados são interpretados e liberados automaticamente entre 4 e 13 dias. O teste é baseado no crescimento de M. tuberculosis em tubos contendo cada droga, sendo comparado ao tubo sem droga (controle de crescimento). O equipamento monitora os tubos continuamente para detectar a emissão da fluorescência.

A análise da fluorescência no tubo contendo droga comparada à fluorescência no tubo controle de crescimento é o que determina os resultados de TSA sendo realizada automaticamente pelo equipamento. Após essa análise, ele interpreta os resultados utilizando algoritmo específico e libera o teste de sensibilidade como S (sensível) ou R (resistente).

É possível, também, utilizar concentrações das drogas do SIRE diferentes das que constam no protocolo padrão, além de outras drogas que não aquelas que compõem o esquema de tratamento de tuberculose utilizado atualmente.

Pelo fato do tratamento da doença ser realizado, comumente, empregando-se múltiplas drogas, que incluem a pirazinamida, é importante que o antibiótico prescrito apresente atividade apropriada contra Mycobacterium tuberculosis.

BD  BACTEC TM MGIT TM PZA Kit  é um teste qualitativo, cujo os resultados são emitidos de 4 a 21 dias. Ele é baseado no crescimento de um isolado de M. tuberculosis em um tubo contendo a droga, comparado a um tubo controle de crescimento (sem droga). Os equipamentos BD BACTEC TM MGIT TM 960 e 320 monitoram os tubos continuamente para detectar a fluorescência emitida nos tubos a partir do crescimento bacteriano. A análise de fluorescência no tubo que contém droga, comparada à fluorescência no tubo controle de crescimento, é utilizada pelos equipamentos para determinar os resultados de sensibilidade, que são emitidos como S (sensível) ou R (resistente). 

Capacidade de 960 e 320 tubos simultâneos (detecção e Teste de Sensibilidade);


Introdução de novos tubos para detecção e novos testes de sensibilidade através da leitura dos códigos de barras específicos que diferencia automaticamente o protocolo dos testes;


Monitoramento contínuo, simultâneo e automático dos tubos, através de método fluorescente, não invasivo e não radiométrico;


Mínima intervenção e manuseio por parte do usuário;


Sistema altamente sensível: detecção de metabolismo microbiano por redução do teor de oxigênio contido nos tubos;


Incubação de todas as culturas e testes de sensibilidade no próprio instrumento: otimização de espaço;


Interface simples para o usuário, através de ícones que orientam a instalação e operações de rotina;


Notificação imediata de tubos positivos e testes de sensibilidade finalizados através de uma lâmpada indicadora na gaveta, no monitor de cristal líquido e de um alarme audível;


Alarme audível cujo volume pode ser ajustado de acordo com a necessidade do cliente. Se o cliente desejar, este poderá ser silenciado.


Sem necessidade do uso de agulhas para inoculação de amostras e cepas;


Utiliza tubos plásticos com tampas de rosca, tanto para detecção quanto para os Testes de Sensibilidade, minimizando a formação de aerosóis criada ao se utilizar metodologias que exigem a utilização de agulhas e seringas para procedimentos de inoculação;


Tempo médio de positividade : 10 dias.


Simplicity and performance

The system was designed with simplicity in mind, helping maximize productivity with minimal staffing and training.


Emissão de relatórios com os resultados já interpretados do teste de sensibilidade.


Nonradiometric technology

The system uses BD BBL™ MGIT media and patented sensors, which efficiently leverage advanced fluorometric technology to facilitate highly accurate detection of O2 consumption without sharps.




Observação: É possível que nem todos os produtos, serviços ou recursos de produtos e serviços estejam disponíveis na sua região. Consulte o representante local da BD.